ISO 31000: A Nova Era da Gestão de Riscos!

28 de novembro de 2009

E se um risco se materializar?

Uma maneira de tratar as consequências de determinados eventos críticos é através do planejamento e da prontidão para contingências, para que a organização possa agir rapidamente e tirar vantagens de ganhos inesperados, ou possa impedir perdas e prevenir ou limitar descontinuidades. Isso requer que os Planos (para Crises, Emergências, Continuidade de Negócios e Recuperação) sejam embasados em bons princípios de Gestão de Riscos e sejam testados e atualizados.

Quando ocorre um evento, a direção da organização pode precisar agir rapidamente para mitigar o impacto do evento na consecução dos objetivos do negócio, tais como fluxo de vendas, qualidade do produto, reputação corporativa e satisfação do cliente.

Continua...